terça-feira, 9 de março de 2010

1ª GERAÇÃO - ROMANTISMO - POESIA - SUBSTANTIVO -- CLASSIFICAÇÃO

      Objetivos: Levar os alunos a identificar características da primeira geração romântica na poesia de Gonçalves Dias (Exaltação a natureza); identificar os substantivos no texto e classificá-los; Interpretar a poesia.

LEITO DE FOLHAS VERDES

1 Por que tardas, Jatir, que tanto a custo
2 À voz do meu amor moves teus passos?
3 Da noite a viração, movendo as folhas,
4 Já nos cimos do bosque rumoreja.

5 Eu sob a copa da mangueira altiva
6 Nosso leito gentil cobri zelosa
7 Com mimoso tapiz de folhas brandas,
8 Onde o frouxo luar brinca entre flores.

9 Do tamarindo a flor abriu-se, há pouco,
10 Já solta o bogari mais doce aroma!
11 Como prece de amor, como estas preces,
12 No silêncio da noite o bosque exala.

13 Brilha a lua no céu, brilham estrelas,
14 Correm perfumes no correr da brisa,
15 A cujo influxo mágico respira-se
16 Um quebranto de amor, melhor que a vida!

17 A flor que desabrocha ao romper d'alva
18 Um só giro do sol, não mais, vegeta:
19 Eu sou aquela flor que espero ainda
20 Doce raio do sol que me dê vida.

21 Sejam vales ou montes, lago ou terra,
22 Onde quer que tu vás, ou dia ou noite,
23 Vai seguindo após ti meu pensamento;
24 Outro amor nunca tive: és meu, sou tua!

25 Meus olhos outros olhos nunca viram,
26 Não sentiram meus lábios outros lábios,
27 Nem outras mãos, Jatir, que não as tuas
28 A arazóia na cinta me apertaram.

29 Do tamarindo a flor jaz entreaberta,
30 Lá solta o bogari mais doce aroma
31 Também meu coração, como estas flores,
32 Melhor perfume ao pé da noite exala!

33 Não me escutas, Jatir! nem tardo acodes
34 À voz do meu amor, que em vão te chama!
35 Tupã! lá rompe o sol! do leito inútil
36 A brisa da manhã sacuda as folhas!

Gonçalves Dias

Mais informações sobre a poesia no site: http://www.mafua.ufsc.br/numero08/ensaios/valer.htm


EXERCÍCIOS

1) Comente como os elementos tempo e espaço são trabalhados no poema.



2) Situe o texto em um movimento literário. Justifique.


3) Destaque os substantivos da primeira estrofe e classifique-os.


4) Caracterize o eu-poético e seu interlocutor.


5) Identifique a principal metáfora do poema relacionando personagem e natureza.


6) Uma das marcas da poesia de Gonçalves Dias é o medievalismo temático e formal. Como se manifesta o medievalismo no poema.


7) O título possui um significado relevante e aparece mais claramente na segunda e nona estrofes. O percurso entre essas estrofes demarca uma transformação de sentido. Explique essa transformação.


8) A partir de uma leitura interpretativa desse texto, escolha a alternativa INCORRETA.


a- ( ) O poema apresenta um eu lírico feminino que prepara para o amado um leito de folhas verdes. Tal eu lírico experimenta, a princípio, como estado de alma, o amor e, ao final, a decepção e a frustração, provocadas pelo fato de Jatir não comparecer ao encontro amoroso.


b- ( ) Na estrofe 5, estabelece-se uma relação metafórica entre flor/mulher e sol/Jatir.


c- ( ) É possível perceber, ao longo do poema, que a natureza comunga com os sentimentos do eu lírico. Essa é, aliás, uma característica recorrente do estilo romântico.


d- ( ) No texto, o percurso do tempo faz-se da seguinte forma: a chegada da manhã associa-se ao desejo de realização amorosa do eu lírico, enquanto a noite coincide com o estado de frustração.


e- ( ) O poema expressa a entrega amorosa total (estrofe 5) e a fidelidade absoluta (estrofe 6 e 7). Essa concepção amorosa, inspirada nas cantigas medievais, e a temática indianista coloca o poema em sintonia com o espírito romântico da época.


9) Sobre esse poema é INCORRETO afirmar que:


a- ( ) Há no poema a presença explícita da natureza como cenário perfeito para a realização do ato amoroso, o que costuma ser uma marca da poesia romântica.


b- ( ) A emoção do sujeito lírico feminino é notória pelo tom com que a índia apela ao amado para que ele venha ao seu encontro; daí a presença dos pontos de exclamação no poema.


c- ( ) A emoção do sujeito lírico feminino deriva do amor da índia por Jatir, amor que é sentimental e erótico (amor da alma e amor do corpo).


d- ( ) O texto é uma versão romântica das cantigas de amigo medievais, nas quais o trovador reproduzia a fala feminina que manifestava o desejo de encontro com o seu “amigo”. (amado)


e- ( ) Não se trata de um poema romântico típico, pois o amor romântico é sempre pautado pelo sentimento platônico e pelo ideal do amor irrealizável no plano corpóreo.

Bibliografia do exercício.NICOLA. J. Português. Scipione: São Paulo, 2008. Questões da prova do ITA 2005/2006.

Um comentário: